[Resenha] Bem atrás de você

'Bem atrás de você' nos traz a história de dois irmãos. Telly, 9 anos e Sharlah de 5. Eles vivem em um lar bastante instável, com pais que abusam do álcool e das drogas. O pai além de tudo é violento. Assim, Telly acaba sendo o protetor de Sharlah, quem a cuida e os dois assim vão seguindo. Acontece que num dia, o pai deles sob o efeito de drogas se volta contra a mulher e também contra as crianças e Telly Ray Nash, o mata. 

Ficha técnica
Autora: Lisa Gardner
Editora: Gutenberg
Ano: 2018
Páginas: 352
Após os acontecimentos daquela noite em que os irmãos perderam os pais e Telly teve o seu primeiro surto de raiva, os irmãos acabaram separados e pulando, vez atrás de outra, de lares de acolhimento. Porém, agora aos 13 anos, Sharlah vive na casa do casal de policiais, Quincy e Rannie, há 3 anos e apesar de a menina ainda ser muito fechada, vive bem com os dois e estão até com o processo para a adoção definitiva. 

Mas um assassinato acontece na cidade. A xerife Atkins, aciona Quincy, já que ele é um criminalista especializado em perfis criminosos. O que não se esperava é que nas filmagens da câmera de segurança fossem descobrir Telly Ray Nash. E agora como agir? Como parar o garoto que é agora um fugitivo armado? E a relação com Sharlah?
Era importante ler. Foi o que alguém me disse. Minha mãe, meu pai, algum avô, professor? Não lembro agora, mas em algum momento captei a mensagem. Um livro por dia. Uma dose de literatura por dia para manter a sanidade.
A partir daí o livro gira na busca de pistas sobre as mortes e o paradeiro de Telly. Será que ele não vai atrás da irmã? E como Sharlah vai lidar com esse novo acontecimento? 

Esse é o sétimo livro da autora que traz os personagens Rannie e Quincy, mas foi o meu primeiro contato com a sua escrita que é muito envolvente. O livro gira em torno da busca e dos desafios para desvendar os mistérios que rondam tanto Telly quanto a família que o acolheu. Gostei da estória, mas como uma fã de thrillers que sou, gostaria que o livro tivesse um ritmo mais rápido. Acaba sendo muito detalhado na busca e, assim, ficando um pouco mais parado. 

Mas tirando esse ponto, foi uma leitura que eu gostei bastante. Achei interessante trazer crianças/adolescentes com problemas, o que dá um gostinho melhor no livro. E a dúvida que paira sobre a personalidade de Telly é muito boa. Recomendo a leitura e tenho vontade de conhecer mais obras da autora, o que deve acontecer em breve. 
Porque a vida é feita de escolhas e consequências, e eu tenho que melhorar nas minhas escolhas para poder colher melhores consequências.
NOTA: 4,5/5 🌟


Tecnologia do Blogger.